08/05/2012

Volúvel Musa

Por @soniasalim  

Seguiu viagem
Inesperada
Deixou imagens
Inacabadas
Pintou na tela
Sensualidade
E sumiu
Não quis viver
O amor voraz
Mas, seguro, tranquilo
Perene, eterno
Enquanto a pintura
Permanecesse fiel
Ao tempo
Estaria com a musa
Intrusa
Volúvel
Indiferente
Que brincava
Enquanto falava
Posava
Aos olhos apaixonados
Deslumbrados
Pelas ilusões


7 comentários :

  1. Bélissimo texto. Parabéns
    Grande abraço
    http://marcuscabaleiro.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada, Marcus, pela gentileza. Sempre bem-vindo! \o/

      Abraços!

      @soniasalim

      Excluir
  2. Trouxe um comentário maravilhoso, de @Bakunin7 , para o Blog Adornando a Vida:

    http://bit.ly/JVEM1t Musas nunca são volúveis; no máximo são temperamentais. :)

    Obrigada, Alexandre!

    Abraços!

    @soniasalim

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. De nada Sonia! Você é muito querida aki no twitter!

      Excluir
    2. Ah, também com os mimos que recebemos dos amigos... Sou eu a agradecer sempre.

      Abraços!

      @soniasalim

      Excluir
  3. Que bonito Sonia! Vou mandar já para minha Musa, que não é volúvel mas encantadora.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que bom! Eu vi e aprovei o seu carinho poético. A sua musa vai gostar também.
      Muito grata.
      Abraços!

      @soniasalim

      Excluir

Faço a moderação dos comentários, por isso ao enviar sua mensagem, aguarde pela aprovação. Comentários ANÔNIMOS ou com links NÃO serão publicados. Lembre-se de assinar!

Grata

Sonia Salim