01/09/2019

De Repente Esclerosei - Marina Mafra



De Repente Esclerosei – Um faz de conta de verdade 



Mitali e Dimitri nasceram um para o outro. Será? 
O que aconteceu depois que ele descobriu que ela tinha Esclerose Múltipla?
Você terá de ler para descobrir! 





A curiosidade do leitor é aguçada ao transitar entre o real e imaginário


Marina Mafra fala de uma jovem que tem Esclerose Múltipla e que a doença pode manifestar de diversas formas. Um romance com resquício de verdades, pois ela foi diagnosticada com esclerose múltipla em 2012. Escrito para chamar a atenção sobre o tratamento da EM e conduzir a vida com leveza e equilíbrio. O livro é um mimo, encantador acima de tudo por ter imagens e contar um pouco da história e simbologia do tsuru, uma ave sagrada do Japão. Dá até vontade de praticar a arte do origami. A leitura levou-me a refletir sobre a necessidade de buscarmos pontos de vista de diversos profissionais de saúde, até mesmo aqueles a que somos mais resistentes. Nada nos obriga a seguir um determinado protocolo, mas o conhecimento do todo é vital. 


..........


Eu vou ousar deixar a sugestão do protocolo do Dr. Cícero Gali Coimbra que preconiza doses importantes e individualizadas de vitamina D. 
..........





23/08/2019

100 dias na Terra - Rúbia Albuquerque




“- Você já está fazendo muito, Calebe! Na verdade, nos 100 dias que você ficará aqui tenho certeza de que sua influência será mais positiva do que a de muita gente que vive quase cem anos.”  Rúbia Albuquerque



Rúbia Albuquerque 


“Pensar, inquirir e duvidar está fora de moda. Só se ouve ecos de ideias, repetições e uma massa cega seguindo líderes equivocados. Rúbia Albuquerque 


100 dias na Terra 



O protagonista do livro da jornalista e escritora, Rúbia Albuquerque é um novo visitante na Terra; um ser de outra galáxia, o Calebe, um questionador que desperta muita emoção nos leitores. A primeira preocupação dele é saber em quem confiar. Esta é a sua preocupação também? Depois vê os moradores de rua e questiona porque ninguém liga para eles. Percebe em nós a presunção de sermos os únicos seres a habitar a Terra. Trabalhando como fotógrafo num documentário que vai tirar você da zona de conforto e mostrar como diversas pessoas conseguiram lidar com a dor tendo sofrido tragédias das mais diversas formas. Sim, ele vai viver e mostrar momentos de grandes angústias. A própria equipe de trabalho teve psicólogo para tratar das questões emocionais que surgiam. Porque não é coisa fácil lidar com a dor mesmo que seja a do outro e que tenham passado muitos anos com resquícios apenas nas lembranças. São recortes da vida que nós jamais vamos esquecer, estão impregnados na mente de todos. Mas no decorrer da missão de Calebe aqui no Planeta azul surge a Madú, que está no mesmo documentário e pouco a pouco vão firmando laços de amizade que mudará a vida dos dois para sempre. Calebe conta com um Anjo muito bem-humorado, o Ariel, que aparece e some de vez em quando para dar as coordenadas. A missão na Terra terminou, a estréia do documentário foi um sucesso. E eu não posso deixar de dizer que você vai se apaixonar por Calebe, pela sua forma de ser e agir. Você vai se alegrar, chorar, orar, emocionar e quase no fim do livro vai interromper de propósito com pena de terminar as aventuras que nos proporcionam e misturam diversas emoções. Eu espero que você embarque também nesta viagem e conheça a parte central do livro que envolve o sentido da vida e a missão que cada um exerce na sociedade. 




Poema que eu fiz inspirada no Calebe do livro da Rúbia Albuquerque:


Quase anjo

Você foi algo bom
que aconteceu na minha vida
Se foi um sonho, eu não sei
talvez um ser de outra galáxia
tenha visitado a Terra
Porque eu vivi uma mistura de emoções
muita paz e desejo de estar perto
Quando um turbilhão de incertezas
girava dentro de mim
a sua dedicação me salvou
deu sentido à minha existência
Amor e amigo meu!
Você é um anjo que veio direcionar
sanar as minhas angústias
e a serenidade tomou conta de mim
Ah, o seu amor tão puro, tão honesto
Eu resgatei a vida que secava lentamente
O vigor correu ao meu encontro
e abraçou-me forte, ganhei energia
A esperança brotou em mim
Nasceu uma flor em fenda de pedras
milagres acontecem todos os dias
às vezes, não percebemos

Sonia Salim




12/08/2019

Gordura sem medo - Nina Teicholz


Gordura sem medo: por que a manteiga, a carne e o queijo devem fazer parte de uma dieta saudável


“Considero essa obra uma das mais impactantes que já li.”   Dr. Flávio Barros - nefrologista 



O livro de Nina Teicholz, THE BIG FAT SURPRISE tem ganhado espaço entre os leitores e vem alcançando outros países com traduções em português – GORDURA SEM MEDO; e espanhol – LA GRASA NO ES COMO LA PINTAN. 



“Um exame atento revela que quase nada do que pensamos hoje sobre gorduras em geral, e as gorduras saturadas, corresponde à verdade.” 





Nina Teicholz é jornalista investigativa. De repente foi fazer críticas de restaurantes e por falta de ajuda de custo para as refeições, comia os alimentos densos, nutritivos e variados oferecidos pelo Chef.  Percebeu que começou a perder peso mesmo comendo fartamente tudo que jamais permitiria que passasse pelos seus lábios, pois seguia corretamente as diretrizes nutricionais. Publicou um artigo sobre gordura trans que chamou muito a atenção do público e foi convidada a escrever um livro aprofundando o assunto. Este foi o ponto central, o início de grandes e importantes descobertas na área científica relacionadas à nutrição que estavam e continuam ainda meio ocultas. 



“Talvez essa afirmação pareça dramática, e eu mesma jamais teria acreditado nela, mas uma das coisas mais impressionantes que aprendi em minha pesquisa foi que, 30 anos depois da recomendação oficial da dieta de baixo teor de gordura, embora considerássemos seus benefícios certos e garantidos, ela não foi sujeita a nenhuma verificação científica formal de grande escala.”


“Na verdade, sabe-se há mais de 50 anos - embora esse dado seja habitualmente esquecido ou ignorado - que nosso corpo não precisa de carboidratos e pode se sustentar perfeitamente bem, se não melhor, à base de cetonas. A pequena quantidade de glicose necessária para certos tecidos corporais – o cristalino do olho e os glóbulos vermelhos do sangue, por exemplo – pode ser criada pelo fígado a partir dos aminoácidos que integram as proteínas que consumimos.” 

Esta postagem tem como objetivo o incentivo da leitura a respeito de saúde e nutrição. Consulte o seu médico e nutricionista para sua segurança antes de fazer qualquer procedimento.  


28/07/2019

Vida real




Algumas pessoas pensam que eu morri
mas eu estou viva
Vida real
pouco importa
As palavras me mantêm viva
As que leio e aquelas que escrevo
Fazem-me louca
e insistem para que eu creia
teimo sanidade
eu – que na poesia
gosto tanto da insanidade
das loucuras, amor, ódio, amarguras
Inútil desejar que eu fique calada
quando a minha palavra passeia por aí
nos espaços e compassos
nas linhas, nos livros
nos corações, nas memórias
Eu denuncio em palavras vivas que ferem
e como um punhal, faz sangrar
Letras atestam contra mim
Que não nasci para agradar ou concordar
Eu sinto muito... sou poeta

Sonia Salim
23/06/19